Menu Fechar

Honrar os limites de cada um

Temos falado de limites e fronteiras por aqui, sobre a importância de definir as suas, mas também de honrar as dos outros. Pois gostaria de partilhar aqui duas práticas nesse sentido.

Até porque me parece que embora uns tendam mais para dar demais e outros tendam mais para se impor aos outros, todos nós experimentamos ambas as formas em diferentes momentos e situações.

Assim sendo, as duas práticas nos podem ser úteis.

A primeira vem no sentido de ajudar a definir os seus próprios limites.

A segunda é um exercício para o ajudar a honrar as fronteiras dos outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *