Menu Fechar

Virar as costas

Existe uma grande diferença entre fugir, mesmo que para a frente, e começar de novo na direção certa.

O mesmo poderia ser dito sobre desistir e virar costas. São duas coisas diferentes.

O que muda é o sentimento porque quando decidimos virar costas a algo ou começar na direção certa, sentimos que é o certo a fazer no momento. É leve.

Quando sentimos que estamos a fugir ou desistir de algo, sentimos que não fomos capazes de algo. Pesa.

Na prática, para quem vê de fora, é tudo o mesmo. Mas emocionalmente, para quem vive do lado de dentro, o resultado é completamente diferente.

Mas o que leva numa ou na outra direção é a história que contamos na nossa mente.

Saiba quando já chega, quando já teve o suficiente daquilo, e respeite-se a si mesmo e àquilo que sente sobre isso.

Por vezes temos de dizer adeus antes de dizer olá ao que desejamos, Temos de terminar antes de podermos começar aquilo que nos faz mais sentido. Por vezes precisamos de deixar ir e avançar com as nossas vidas.

Quando as situações deixam de acrescentar algo à sua vida,  rapidamente começam a subtrair.

A vida torna-se muito mais simples quando você  limpa o entulho que a torna complicada. Então, preencha a sua vida com muitas experiências, não com muitas coisas. Tenha histórias Incríveis para contar, não coisas incríveis que entulham o seu armário e a sua casa.

Que tipo de entulho tem atrapalhado a sua vida, tornando-a mais complicada e distraindo a sua atenção de experiências cheias de sentido?

Este entulho, ou tralha, pode viver nos nossos espaços físicos, nos espaços de tempo que preenchem a nossa vida ou na nossa mente.

Como pode simplificar e limpar algum espaço por si e para si hoje?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *