Menu Fechar

Alargar ou reduzir o foco

Tal como a objectiva da máquina fotográfica, nós podemos focar algo específico na cena que observamos e podemos alargar ou reduzir a área que queremos enquadrar e focar.

Por vezes é mais útil ver a imagem mais ampla para, por exemplo, percebermos o propósito para algo ou a forma como determinado desafio pode ajudar a crescer e avançar caminho da melhor forma.

Mas por vezes é mais útil focar numa área mais pequena como quando olha em frente e vê algo com que tem de lidar e que lhe parece avassalador. Nesse momento, é muito mais eficaz focar num passo, uma tarefa de cada vez.

A lente da nossa mente é uma ferramenta. Serve para ser usada de acordo com as necessidades do momento. E a necessidade pode ser parar, avançar ou seguir noutra direcção. Mas se o foco não for o adequado, não há clareza nem decisão. Ficamos bloqueados.

Tal como no tema assertividade, tão útil pode ser não dar resposta quanto o comportamento agressivo, desde que usados no momento e de forma adequados.

Se olharmos cada um destes mecanismos como instrumentos, fica mais fácil perceber que nem são bons nem maus, senão na medida em que são usados.

Está a dar uso à sua lente?

Deixe o seu comentário abaixo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *